Será que o moletom vai continuar em alta? E como será a moda quando tudo voltar ao normal? Iremos voltar ao normal?

Nos útimos 10 meses, o chinelo, o moletom e a cara limpa colocaram o salto alto, a calça jeans e o make up pesado lá para o fundo do armário daqueles que introduziram o trabalho em home office no seu dia a dia. O conforto se sobrepôs à própria imagem e passou a ser uma necessidade. Passamos a procurar roupas mais confortáveis, leves, funcionais e atemporais que servissem tanto para falar com um amigo ou colega de trabalho em uma live quanto para praticar exercícios em casa.

Já não é mais mistério para ninguém que toda tendência surge através de um novo comportamento de consumo. Por isso, grandes marcas passaram a investir nesta nova realidade e introduziram em suas coleções a linha homewear: a moda para vestir em casa. É a valorização do estilo através do conforto. As calças skinny foram substituídas por joggers. Os vestidos acinturados deram lugar às batas amplas trazendo mais liberdade ao corpo. As camisas ajustadas saíram de cena fazendo com que as camisetas discretas e mais soltinhas tomassem conta do nosso cotidiano.

Mas, assim como tudo, a moda não pode ser generalizada. Um grupo pode muito bem permanecer nessa linha de conforto e multifuncionalidade, enquanto outros seguem na linha do tradicional e o restante passe a misturar as duas propostas, criando um novo estilo. Este é o poder da transformação!

Apesar disso, ainda é cedo para afirmar como será a moda em tempos de tanta incerteza. Mas de duas coisas já sabemos: a higiene e a proteção individual permanecerão sendo prioridades. A proteção virá através de roupas confortáveis e funcionais, que preparem a gente para situações adversas através de tecidos antivirais que protegem dos raios UV e da poluição. Jaquetas com proteção facial serão cada vez mais comuns por trazerem tecnologias resistentes e também servirem como uma segunda máscara.

Toda esta mudança no comportamento fará com que passemos a nos preocupar com o que consumimos, com a origem das coisas e a sua durabilidade, eliminando os excessos, os agentes da poluição e o desperdício.

Veja agora o que é tendência na moda pós-pandemia e o que entrou de vez para o fundo do seu guarda-roupas.

(Up) Moletom

(Down) Salto alto

(Up) Camisetas básicas

(Down) Camisas sociais

(Up) Joggers

(Down) Calças skinny

(Up) Roupas sustentáveis

(Down) Roupas em couro

(Up) Jaqueta com tecido antiviral

(Down) Jaqueta em nylon

(Up) Peças de segunda-mão/economia circular

(Down) Fast fashion

 

Celso Finkler – celsofinkler@hotmail.com

Quem Somos :

A Revista TUDO chegou e revolucionou! Com uma proposta diferenciada traz inovação, ousadia, serviço e mais Informação para você, leitor! Muito além de mais uma revista regional, a TUDO mostra o que a Região tem de bom, o que precisa ser melhorado e as necessidades de seus moradores. Somada a esta prestação de serviço, apresenta uma síntese dos fatos mais importantes que acontecem no Brasil e no mundo, sem contar os assuntos de interesse geral que estão em evidência na atualidade. Leia Mais

Contatos: 

  • E-mail: contato@revistatudo.com.br
  •  Comercial : 11 99972-9795

Distribuição Gratuita:

  • Condomínios e pontos comerciais instalados na Granja Viana, Ao longo  da Rodovia Raposo Tavares, Cotia, Caucaia do Alto, Vargem Grande Paulista, Embu das Artes, Jandira, São Roque, Alphaville e Aldeia da Serra

 


logo

Horário de Atendimento:  

  • SEGUNDA-FEIRA    09:00 ÀS 17:00
  • TERÇA-FEIRA          09:00 ÀS 17:00
  • QUARTA-FEIRA        09:00 ÀS 17:00
  • QUINTA-FEIRA         09:00 ÀS 17:00
  • SEXTA-FEIRA           09:00 ÀS 17:00

A Revista Tudo é uma publicação da Editora Tudo: Av. São Camilo, 980 Shopping Granjardim Granja Viana - Cotia

Baixe nosso App

appstore  revista tudo

appstore  revista tudo

Privacidade:

  • O website da  "Revista Tudo" zela pela privacidade e proteção dos dados pessoais de seus clientes e visitantes, mantendo assim a relação de confiança, respeito e transparência. Apenas pessoal qualificado e autorizado tem permissão para acessar os dados coletados.
  • Em nenhuma circunstância, tais informações são vendidas ou compartilhadas com terceiros, de acordo com a LGPD (lei 13.709, de 2018)

 powered1

Abrir Chat
Precisa de Ajuda?
Powered by Upwebsites
Como podemos ajudar?

Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0