Conheça as principais tendências para o design e projetos de cozinha | Revista Tudo

Arquitetos e Designers de Interiores da Granja conferem os lançamentos da “Design Week” de Milão, que aconteceu entre os dias 17 e 22 de abril de 2018!

O Salão de Móvel de Milão, o mais importante evento do setor em todo o mundo, é engrandecido pela realização de exposições e lançamentos Fuorisalone – em distritos de Design e Moda – como a Trienalle, Zona Tortona, Breda e tantos outros, fazem da “Design Week” um celeiro de tendências e informações, que alimentam a criatividade e os projetos dos Arquitetos e Designers de Interiores de todo o Brasil.

Segundo Mariana Meneghisso (Meneghisso & Pasquotto Arquitetura), a possibilidade de criar referências visuais sobre design, cores e padrões foi um grande presente para quem visitou o Salão do Móvel de Milão. “Tudo o que será referência para o mundo estava lá, para percorrer os olhos, sentir e usar… Um privilégio”, afirma. Para Daniel Szego (SZK – Szego e Sakabe Arquitetura), a visita à feira de Milão não se limita a enorme estrutura deste evento incrível. “Destaco a vivência nesta semana, que une pessoas de todo o mundo e que estão envolvidas com o design”, diz. Então a troca de informações e experiências, regada por diversas exposições, torna esta semana culturalmente rica. Já a arquiteta Célia Horita destaca o conhecimento e a possibilidade de ver as tendências do segmento de arquitetura, decoração e design. “Em apenas um lugar eu encontrei inspirações para todos os ambientes”, diz. O Salão do Móvel de Milão apresentou referências, propôs reflexão à criatividade e proporcionou o acesso às inovações tecnológicas e tendências do setor.

DSC_2548

Neste ano, foi possível perceber a utilização das pedras (sobretudo os mármores) não só em tampos de mesas, mas integrando o mobiliário e até mesmo em projetos de cozinhas revestindo os armários. As peças em madeira maciça em formas tridimensionais e painéis de MDF continuam tendo grande destaque, com combinações de cores laqueadas com veios naturais, ou mesmo em tonalidades metalizadas (com acabamento fosco). Nas bancadas era clara a retomada do conceito dos materiais com muitos veios e desenhos, aplicados em superfícies de pouca espessura. Muita elegância.

07

Daniel Szego destaca o uso de materiais naturais, como a madeira, que aparece nos móveis e painéis, das pedras nas bancadas, dos tecidos de trama e do ferro de uma forma mais natural. “São elementos que trazem um ar industrial, mas com aconchego. A praticidade também foi algo comum, refletindo a vida moderna”, destaca.

As peças estão cada vez mais leves, com pés mais finos ou em aço inox, ou se tornam esculturas. Estofados ganham destaque pelo conforto e formas mais orgânicas (arredondadas) com detalhes nas costuras. Nos tecidos, fortemente se percebem os estonados com efeito de veludo degrade, adamascados. Os revestimentos e tapetes estão geométricos, do clássico preto e branco, aos roses e vermelhos. A maioria com certo misto de seda, conferindo um brilho discreto. Quando a base é neutra, se abre um leque de desenhos muito ricos. Os tapetes desenhados estão com tudo.

Cozinhas

Nos projetos de cozinha destacou-se também a utilização do vidro translúcido, valorizando o interior dos armários, com iluminação personalizada – destacando os detalhes dos móveis e acessórios internos. Mariana Meneghisso percebeu também uma forte referência às cozinhas antigas, com eletrodomésticos retrô, madeira natural e ebanizado, em mate, num “revival” do conceito, “mas sempre resolvido com cubas, metais e sistemas de armazenamento ergonômicos e com materiais e soluções para lá de hi-tech”, diz.

Daniel Szego chama a atenção para o uso do preto e de elementos com aspecto industrial, como metais de cozinha escuros e a mistura de ferro com madeira.  “A inovação em alguns aparelhos traz uma praticidade para cozinha, facilitando o dia a dia” completa Daniel.

Para Célia Horita, essa mistura de materiais, acessórios e complementos traz uma solução para todos os espaços. Ela percebeu o rústico sofisticado nos fogões, cooktops e fornos, bem como soluções para pequenos espaços,  adaptando as casas contemporâneas e tecnologias para o conforto do uso dia a dia. O mobiliário com mais de uma função, otimizando os espaços.

Praticidade e leveza marcaram os lançamentos do Eurobagno, onde se destacaram as pias sustentadas por colunas de metal ou acopladas ao espelho como uma única peça. O banheiro passa a agregar outros elementos, como uma sala fitness, o que amplia o conceito de bem estar. Mesmo com um projeto mais simples e prático, a estética e a inovação aparecem em detalhes do design como nas cubas, lavatórios e vasos em tons pastéis ou mesmo mais escuros, nos metais com acabamentos diferentes ou mesmo nos revestimentos tridimensionais.

No que diz respeito às cores, destacaram-se os tons pastéis (verde, rosa e tons de ocre), além de uma paleta mais quente e impactante (em várias tonalidades de vermelho), porém com saturação e brilho medianos. Os amarelos dourados e ocres também surgem com força total. “O verde, do bandeira ao esmeralda, aparecem sem nenhuma cerimônia, marcantes. O Marsala e o Damasco também foram muito aplicados, uma alegria”, afirma Mariana Meneghisso.  Para ela, o azul profundo marcou presença em tudo: nas lacas, estofados e cortinas, levando cor para as bases sempre neutras do cinza e o off white. “Arrisco dizer que o azul quase marinho é a cor da vez, pura elegância”, completa.

Design Brasileiro em alta

A cada edição, o Design brasileiro torna-se mais importante e presente.  Os brasileiros já são considerados a delegação mais numerosa em Milão. Além disso, neste ano marcamos presença no Palazzo Litta (exposição de Jader Almeida e Leo Di Caprio), no Saloni (Estande da A Lot Of, Pormade e Portinari), Palazzo Castelo (Projeto Raiz com a mostra “O sentar do brasileiro”). A exposição Be Brasil no distrito Brera, da Apex, apresentou uma viagem pelos clássicos modernos de design brasileiros, como Oscar Niemeyer, Paulo Mendes da Rocha, Lina Bo Bardi e Sérgio Rodrigues, para citar alguns.  Na Viale Bianca Maria, aconteceu a Brazil S/A com as principais peças expostas ao longo de 15 anos de mostra. Já a expo Mesa Brasileira apresentou objetos de fabricantes como a St. James e do designer Leandro Garcia, além da mostra Luminárias.

Referências ao design produzido no Brasil estavam por toda a cidade, como a Poltrona Pantosh – uma cadeira gigante da Lattoog instalada na Via Guglielmo Marconi (próxima ao Duomo). Ali perto havia também uma intervenção urbana dos artistas Toz e Mateu Velasco, com curadoria da Galeria Movimento. As ativações de rua incluíram, ainda, a arte indígena: bandeiras da etnia Kayapó assinadas pelo designer Marcelo Rosembaum puderam ser vistas na Via Pietro Maroncelli. E por fim, na Università Statale havia um painel com uma linha do tempo do design brasileiro.

08

Quem Somos :

A Revista TUDO chegou e revolucionou! Com uma proposta diferenciada traz inovação, ousadia, serviço e mais Informação para você, leitor! Muito além de mais uma revista regional, a TUDO mostra o que a Região tem de bom, o que precisa ser melhorado e as necessidades de seus moradores. Somada a esta prestação de serviço, apresenta uma síntese dos fatos mais importantes que acontecem no Brasil e no mundo, sem contar os assuntos de interesse geral que estão em evidência na atualidade. Leia Mais

Contatos: 

  • E-mail: contato@revistatudo.com.br
  • Tel: 11 4617-4873

Distribuição Gratuita:

  • Condomínios e pontos comerciais instalados na Granja Viana, Ao longo  da Rodovia Raposo Tavares, Cotia, Caucaia do Alto, Vargem Grande Paulista, Embu das Artes, Jandira, São Roque, Vila S. Francisco, Alphaville e Aldeia da Serra

 


logo

Horário de Atendimento:  

  • SEGUNDA-FEIRA    09:00 ÀS 17:00
  • TERÇA-FEIRA          09:00 ÀS 17:00
  • QUARTA-FEIRA        09:00 ÀS 17:00
  • QUINTA-FEIRA         09:00 ÀS 17:00
  • SEXTA-FEIRA           09:00 ÀS 17:00

A Revista Tudo é uma publicação da Editora Tudo: Av. São Camilo, 980 Shopping Granjardim Granja Viana - Cotia

Privacidade:

  • O website da  "Revista Tudo" zela pela privacidade e proteção dos dados pessoais de seus clientes e visitantes, mantendo assim a relação de confiança, respeito e transparência. Apenas pessoal qualificado e autorizado tem permissão para acessar os dados coletados.
  • Em nenhuma circunstância, tais informações são vendidas ou compartilhadas com terceiros.

Website desenvolvido por :  powered1