Comportamento
Mobiles: praticidade ou dependência?

Você consegue imaginar sua vida sem um aparelho celular? Estar numa situação de emergência e não ter como se comunicar para pedir uma ajuda? Estar num lugar muito legal e não poder ligar para alguém para dividir a experiência? Ou não poder mandar uma foto em tempo real? Estar preso no trânsito, precisar falar com alguém ou mandar um e-mail urgente e não poder? Se perder em algum trajeto e não ter acesso a um GPS para ajudar?

Pois é, tudo isso e muito mais é possível hoje com um smartphone. E como facilita a vida, não? Mas, será que não estamos exagerando no uso desses aparelhos? Para todos os cantos que olhamos vemos pessoas compenetradas em seus celulares e alheias ao mundo à sua volta. É comum vermos pessoas num restaurante, cada uma interagindo com seu celular ao invés de conversarem.

 
Como manter o foco num mundo de total distração?

 “Cuidado para não deixar de ver o sol lá fora, de fazer atividades físicas , de ter amigos e relacionamentos verdadeiros”

 Atenção, Concentração, Foco!

Fique ligado e mantenha o foco!!!

Perder o foco nos dias de hoje parece normal, num mundo de tantos estímulos como podemos manter a atenção?

 Estamos vivendo um momento de pura distração, onde os estímulos e informações variadas fazem com que nos dispersemos o tempo todo. O celular toca, as mensagens chegam , o WattsApp apita, o facebook avisa, o instragram manda as fotos, os e-mails pedem respostas, o skype chama, e aonde vai nossa atenção? Conectados o tempo todo não mantemos a atenção em nossas atividades diárias, o que acaba ocasionando prejuízos no nosso rendimento profissional, social, acadêmico, enfim global.

Existe um imediatismo, uma cobrança exagerada para que estejamos conectados todo o tempo e temos que ser rápidos ao responder, pois se demorarmos as pessoas insistem não respeitando o que estamos fazendo ou no caso profissional pode-se até perder um trabalho.


 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 7 de 10

Indique !