Cafofo de alto nível


Cafofo de alto nível
O queridinho em hospedagem exibe acomodações com decorações repletas de personalidade


Ser habitante nas cidades que frequenta.

É exatamente essa a sensação do usuário do Airbnb, que disponibiliza mais de 3 milhões de acomodações para turistas viverem uma curta, média ou longa temporada em outras localidades.
E seja uma casa na árvore ou um quarto executivo, a pessoa que busca este conceito não quer se preocupar em trocar um vaso de lugar. É chegar e usufruir daquele ambiente que poderá “chamar de seu” por alguns dias, semanas e até meses.
Uma dica para conseguir alugar ra-pi-di-nho a sua acomodação, é decorar transpondo a sua personalidade. Criatividade faz toda a diferença.

Veja algumas dicas infalíveis para decorar: 

Decore com humanização
Insira plantas, coloque cobertas na cama, deixe livros no criado-mudo e toalhas no banheiro, por exemplo. Flores e livros criam uma atmosfera gostosa no ambiente.


Nos quartos
Bons colchões e roupas de cama confortáveis são essenciais. Lençóis de pelo menos 300 fios são indicados, assim como travesseiros e cobertas de qualidade.


 Um jardim vertical pode fazer toda a diferença na sala. Oferece uma característica ecológica que pode ser um grande diferencial

 Se o seu foco for um casal de idosos, por exemplo, invista em uma decoração mais sóbria

 Paredes estilizadas, quadros pendurados, sofás encapados e almofadas divertidas conferem o estilo cool a esse apartamento que pode ser perfeito para um artista, por exemplo



 A cozinha deve ter uma bancada com espaço e ser funcional, com os itens mínimos para que os hóspedes possam cozinhar. Um fogão e um microondas são indispensáveis, assim como uma cafeteira.

 Você tem um estilo vintage? Muito legal, porém, vintage é diferente de “velharia”. O hóspede provavelmente vai se incomodar em assistir televisão em uma TV analógica tipo tubo, ou até mesmo utilizar um fogão que não acenda no automático. Aposte em camas, sofás, equipamentos de cozinha e banheiros novos e, se não tão novos, em bom estado de uso.

Evite os itens religiosos – até porque você não sabe qual é a religião do seu hóspede; dispense bandeiras, troféus e outros itens relacionados a times de futebol, basquete, beisebol ou qualquer outro esporte.

 Se engana quem pensa que a decoração ideal para um quarto ou casa no Airbnb deve ser neutra e sem detalhes. Para um ambiente cativante, é importante colocar a sua personalidade no ambiente sendo anunciado – por isso, não tenha receio de colocar seus itens preferidos à mostra, pensando em como a sua casa pode ser mais agradável e aconchegante para quem vai se acomodar nela. No meio de milhares de anúncios, você também escolheria o espaço que mais se parece com o seu estilo. Alguns elementos podem te ajudar a redecorar seu espaço com mais facilidade, como almofadas coloridas, luminárias, vasos com flores, rede de descanso, livros e até um difusor de aromas para perfumar o ambiente. Casa em Belo Horizonte.

Em São Paulo, você pode encontrar o apartamento Charme Urbano, que pertence a ninguém mais e ninguém menos do que Beatriz Dutra, arquiteta, decoradora, moradora da Granja Viana e colunista da Revista TUdo. “É um apartamento de 70 metros quadrados decorado para jovens recém-casados e executivos. Não tem espaço para crianças, já que ele possui apenas um dormitório, com cama de casal. Minha ideia foi levar para aquele ambiente modernidade e conforto. A sala é espaçosa e é integrada com a cozinha. Não tenho hóspedes de curta temporada. Eles ficam no mínimo um mês”, explica ela que está há mais dois anos no Airbnb e possui cinco estrelas no site, concedida pelos seus hóspedes. O apartamento fica num prédio muito bem equipado, com piscina e sala de ginástica. 

Bairro: Vila Leopoldina – São Paulo/SP.
Fica alugado quase que o ano todo.
Diária de aproximadamente 190 reais.

Casa na árvore nos Estados Unidos

Uma das acomodações mais populares do Airbnb é uma casa na árvore em Atlanta, nos Estados Unidos. A residência fica no meio de uma extensa área verde e parte se sua estrutura está, literalmente, sustentada por algumas das enormes árvores que se espalham pelo local. Mas não se trata de um lugar completamente rústico: seu interior é luxuoso, com direito a uma confortável sala de estar, um quarto de casal com uma enorme varanda e design que se integra muito bem com a selva à sua volta. As diárias custam a partir de R$ 1.290.

Mi casa, su casa

Não ofereça ao locatário espaços neutros e sem vida, até mesmo porque a sua acomodação vai concorrer com casas com acessórios super criativos.
Um item importante é a televisão, que é considerado de necessidade básica nesse cômodo. Invista no sofá, para que ele seja confortável. Se houver espaço, opte por um sofá-cama. Assim, você poderá acomodar mais pessoas (cobrando uma taxa extra). 


Se o apartamento será destinado apenas ao Airbnb, vale pensar em uma decoração mais neutra ou específica para um público determinado. Por exemplo, se você tem um apartamento próximo a uma universidade, é possível que vá receber vários estudantes, que vêm para cursos ou provas de vestibular, por exemplo.

Receba bem!
A primeira coisa que a pessoa vai procurar quando ela chegar é a senha do WiFi para se conectar. Por isso, é importante colocar num quadro ou bloco de notas em cima da mesa o nome usuário e senha da internet da casa. O ideal é sempre o anfitrião receber a pessoa na casa, oferecer uma água ou suco, mostrar onde pode guardar suas coisas e vá embora só depois de apresentar o local, pois a pessoa pode estar cansada e viajando há várias horas.

É super desconfortável (Chato, mesmo!) passar a viagem inteira revirando malas em busca de calças, vestidos e camisetas. Por isso, não se esqueça de deixar um armário livre – e com bons cabides – para que os seus hóspedes possam pendurar suas roupas. Coloque também um banco ou local de apoio para malas e bolsas e, se puder, deixe disponível um ferro elétrico: muitas pessoas viajam pelo Airbnb a trabalho, e ninguém merece ir para uma reunião com a camisa toda amassada.



Divirta-se
www.airbnb.com.br







 

Indique !