A luta pela liberdade de expressão Leia Mais +



Este tipo de debate, muito atual, tem provocado reações de todo o tipo e há lugares que felizmente aceitam pessoas como elas são, ou melhor, do jeito que se sentem.

O Coletivo Generx que ganhou um edital de mediação no  Centro Cultural São Paulo em 2015, propôs que todos os banheiros públicos tivessem um ponto de interrogação na porta, provocando o público a pensar sobre o tema. Hoje, depois da residência terminada, o espaço adotou em todos os banheiros um adesivo com o seguinte  texto:

“Trans, cis, hétero, gay, bi, Assexual, negro, branco, gordo, Magro, alto, baixo, pobre, rico: Este é o banheiro de Todos. Claro que o texto é personalizado para os homens no banheiro masculino e às mulheres e gêneros no feminino!

Essa e muitas outras discussões sobre o gênero vem à tona durante vários movimentos em defesa da diversidade sexual. Mas isso também é confuso, pois existem os gêneros classificados e os que se não querem se classificar. Durante o Festival Mix Brasil, maior evento dedicado aos gêneros LGBTQ (Lésbicas, gays, bissexuais, transexuais, queers), pessoas se definem como isso ou aquilo, mas às vezes é difícil entender as classificações. Cada um se classifica como quer.

E uma reportagem da Carta Capital o psicólogo Luis Saraiva, do Laboratório de Estudos da Família, Relação de Gênero e Sexualidade (Lefam) da USP, gênero é algo que inventamos na tentativa de nos definir. “Queria crer que temos gêneros infindáveis dentro de nós, mas a vida que temos hoje nos convida a escolher entre um ou outro gênero”.

Segundo o escritor Marcos Ribeiro, autor do livro “Adolescente: um bate papo sobre sexo” da editora moderna,  a identidade do gênero é o que você pensa de si mesmo. Sua expressão, por sua vez, é o comportamento de cada pessoa a partir do seu gênero masculino ou feminino. O livro é explicativo, dedicado ao público jovem, explica também o que é homofobia, que infelizmente ainda existe na nossa sociedade.  “homofobia é o conjunto de ações negativas em relação às pessoas homossexuais...Os homofóbicos são aqueles que não conseguem conviver com a diferença ou não conseguem admitir a possibilidade de ter alguém  homossexual por perto”.

O governo federal, em conjunto com a sociedade civil, elaborou o programa “Brasil sem homofobia”, que objetiva a implementação de ações integradas para o combate ao preconceito, à discriminação e à violência homossexual. Medidas como a união estável homoafetiva em casamento foram aprovadas em 2013. Mas infelizmente nosso congresso nacional tem um lado retrógrado, como a bancada evangélica que apresentou o projeto da “cura gay”.

Mesmo com essas pedras no meio do caminho, essa nova geração é muito mais aberta. Como explica a psicóloga Frida Leão: “Diferente das gerações anteriores, essa nova geração busca um  espaço mais aberto e fluído em relação a sexualidade, sem dogmas e repudiando o preconceito. O que possibilita que transitem em diferentes grupos sem nenhum problema. Esta geração de certa forma luta pela liberdade de expressão, principalmente em relação a sexualidade, algo que começou com a geração anterior .”

O fato de estarem o tempo todo em contato com a tecnologia faz que sejam bem informados e “atentos a  questões ambientais, repudiam o preconceito e estão engajados em construir um mundo melhor, o que de certa forma acredito que influencie as novas gerações. Observo que esta geração pretende deixar um bom legado se comparado as gerações passadas.”, completa Frida.

A esperança é que essa geração nova que vive sem preconceitos transforme o mundo. Que no futuro não exista intolerância de crenças, de raças, gêneros, etc. A luta de hoje, será direito adquirido no futuro.


Heterosexual – Quem tem atração por pessoa do sexo oposto

Lésbica – Mulher que tem atração por mulher.

Gay – Pessoa que tem atração por pessoa do mesmo sexo.

Bissexual –  tem atração por pessoas de ambos os sexos, independentemente do gênero.

Transexual - indivíduo que possui uma identidade de gênero diferente da designada ao nascimento. Geralmente optam por transição para o gênero oposto.

Queer – pessoa que não se identifica com as formas usuais de identidade e orientação sexual.

Intersex - Qualquer variação de caracteres sexuais incluindo cromossomos, e / ou órgãos genitais que dificultam a identificação de um indivíduo como totalmente feminino ou masculino.

Cis - pessoa em que há concordância entre identidade e gênero.

 

Indique !